São 554 cargos vagos para a 1ª Instância e 241 cargos vagos para a 2ª Instância.

Lembrando que em 19/12/2022 o Portal de Notícias Olhar Direto publicou:
“Conselho Nacional de Justiça determinou que o quadro de servidores do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) deverá se readequar nos próximos meses com o preenchimento de cargos em comissão com ocupantes de cargos efetivos. Para que isso ocorra, fica previsto que o tribunal deva fazer concurso público no próximo ano para contratação de servidores. Segundo apontado no relatório, quase a totalidade dos cargos comissionados do TJMT são preenchidos por funcionários que não são de carreira, o que evidencia desconformidade com a Constituição Federal. Ainda não há prazo para a redefinição do quadro, porém, os ocupantes de cargos efetivos deverão ter vínculo efetivo com a administração, devendo guardar proporcionalidade com a necessidade que eles visam suprir e com o número de servidores ocupantes de cargos efetivos no Tribunal, respeitando, assim, o princípio da proporcionalidade e razoabilidade para definir o quantitativo.”